17/08/2011

Silenciar


Preciso silenciar pra saber o que eu sinto agora, pra saber o que fazer, como agir. Pra me entender, pra respirar sem travas, pra saber qual a cor de um sorriso novamente, pra saber se ainda sei sorrir como antes, e se não, reaprender como se faz.
Preciso silenciar, porque nem tudo é agora como foi um dia. Porque as emoções infelizmente (ou felizmente) são mutáveis, diferenciam-se e confundi.
Preciso silenciar  pra poder ouvir meus pensamentos, pra chorar, pra ouvir minha própria voz. Pra tentar sentir o que já não sei se sinto, e tentar buscar, talvez inutilmente, o que já se foi, mas  que eu preciso tentar reascender.
Preciso calar pra encontrar culpados, pra saber o que aconteceu. Pra ver no espelho o meu próprio reflexo, mesmo que não seja o mesmo.
Preciso calar, pra ficar comigo mesma, pra sentir meus próprios toques, minha própria opinião.
Preciso calar, pra aprender a curar meus soluços, porque ninguém mesmo além de mim, sabe o tamanho do que sinto. Preciso calar, pra viver intensamente como  fiz um dia.
E você, você precisa entender o meu silencio, aceitar e ver que preciso disso, porque ser feliz não é somente falar, mas  ficar introspectiva, meditar, buscar outro mundo dentro mim, e viver!


Nenhum comentário:

Postar um comentário